Notícias

04/12/2013

Rio 2016 assina acordo para servir apenas pescado certificado nos Jogos

Memorando de entendimento com entidades globais de certificação de pesca sustentável deixará legado positivo para o país

Enviar para um amigo

Sidney Levy, diretor-geral do Rio 2016, Felipe Peixoto, secretário de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca, José Bonifácio Novellino, presidente da Fiperj, e Laurent Viguié, gerente do ASC e MSC no Brasil, assinam memorando de entendimento (Foto: Fiperj/Luiz Barros)

O Comitê Rio 2016 dá sua colaboração para o consumo sustentável de pescado no país. A organização assinou nesta terça-feira memorandos de entendimento para servir apenas peixes e frutos do mar certificados durante os Jogos. O acordo garante que todo pescado - tanto capturado em ambiente selvagem quanto criado em viveiros - servido no evento seja certificado pelo Marine Stewardship Council (MSC) e o Aquaculture Stewardship Council (ASC), entidades globais de certificação de pesca sustentável. Com mais de 14 milhões de refeições servidas ao longo de 27 dias, o serviço de alimentação dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos representa um enorme desafio para cada cidade-sede e é descrito como a maior operação de alimentação do mundo em tempos de paz.

“Estamos ansiosos para trabalhar em parceria com a MSC e a ASC, apoiando o trabalho louvável que eles têm feito e dando sequência ao desenvolvimento da pesca e aquicultura no Brasil. Este acordo garante que nosso serviço de alimentação deixará um legado positivo e duradouro para o Rio de Janeiro e para o Brasil após os Jogos”. afirma Julie Duffus, gerente de Sustentabilidade do Comitê Rio 2016.

De acordo com os memorandos, o Comitê assumirá o compromisso de priorizar o pescado certificado do estado do Rio e do Brasil. Dará suporte também ao MSC e ao ASC no engajamento de partes interessadas e fornecedores para promover o pescado sustentável no país. O acordo prevê ainda projetos em conjunto que serão desenvolvidos para encorajar a participação em programas de certificação e a colaboração em projetos para educar e incentivar mudança de comportamento dos consumidores.

“O MSC está honrado por trabalhar com os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Esta parceria representa uma grande oportunidade para promover e reconhecer a pesca sustentável no Brasil. Trabalharemos em parceria com o governo do Estado do Rio nos próximos anos para incentivar os pescadores locais a passarem pelo processo de avaliação e esperamos que os peixes e frutos do mar atinjam o padrão do MSC de pesca responsável e sustentável para estarem entre as 14 milhões de refeições que serão servidas durante os Jogos”, declarou Rupert Howes, diretor-executivo do MSC.

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca demonstrou apoio à iniciativa. O Estado promove atualmente a obtenção da certificação do MSC e ASC entre comunidades de pesca artesanal e viveiros de pequena escala em regiões-chave. O secretário Felipe Peixoto destacou que o processo de certificação ainda é pouco conhecido pelos pescadores e aquicultores. 

“Nós vemos os Jogos como uma excelente oportunidade para dar visibilidade ao projeto, destacando sua importância e gerando o interesse de buscar práticas mais sustentáveis entre os pescadores e aquicultores. Esperamos que este projeto sirva como um piloto e mostre como pescadores e pequenos produtores podem obter estas importantes certificações”, afirmou Felipe Peixoto.
 
“Estou ansioso para ver viveiros de pequena escala do Estado do Rio reconhecidos pela sua boa gestão. A ação coletiva dos viveiros que entrarem no programa do ASC terá, sem dúvida, um efeito positivo no futuro da aquicultura na região, uma vez que vai ao encontro da sustentabilidade ambiental. Este é um legado importante e esperamos que outros estados sigam o exemplo do Rio”, completou Chris Ninnes, diretor-executivo do ASC.

Enviar para um amigo

Filtrar em Notícias

Newsletter

Cadastre-se e receba por e-mail as últimas notícias do Rio 2016.

+
Notícias

RSS de notícias

Fique sabendo imediatamente quando uma nova informação é publicada.

+ASSINE JÁ