Notícias

27/02/2014

Começa a construção do Velódromo dos Jogos Rio 2016

Instalação, localizada na Barra da Tijuca, receberá disputas do ciclismo de pista e do paraciclismo de pista

Enviar para um amigo

Velódromo vai fazer parte do primeiro Centro Olímpico de Treinamento do Brasil após os Jogos Rio 2016 (Foto: Divulgação/Empresa Olímpica Municipal)

Mais uma instalação esportiva dos Jogos Rio 2016 começa a ganhar forma. Depois dos Halls Olímpicos 1, 2 e 3, do Centro Olímpico de Tênis e do Campo Olímpico de Golfe, começou no mês de fevereiro a construção do Velódromo Olímpico, estrutura que receberá as disputas do ciclismo de pista e do paraciclismo de pista em 2016. A primeira etapa inclui a montagem do canteiro de obras e a execução das fundações. A previsão é de que a instalação fique pronta no segundo semestre de 2015.

Localizado no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, o velódromo fará parte do principal legado esportivo dos Jogos Rio 2016. Ao lado dos três Halls Olímpicos, do Parque Aquático Maria Lenk, e do Centro Olímpico de Tênis, a instalação fará parte do primeiro Centro Olímpico de Treinamento (COT) do país. Voltado para atletas de alto rendimento, será o mais moderno da América do Sul.

Com 5.000 assentos fixos e até 800 lugares temporários, o velódromo contempla itens de acessibilidade para facilitar o uso e o acesso de pessoas com deficiência. O projeto prevê ainda a obtenção da certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), sistema de certificação que promove a sustentabilidade de edifícios por meio da avaliação de soluções e de tecnologias que reduzam os impactos causados no meio ambiente.

Neste ano, mais duas instalações terão suas obras iniciadas: o Hall Olímpico 4, que funcionará como arena de handebol durante os Jogos e depois terá sua estrutura transformada em quatro escolas municipais, e o Estádio Olímpico de Desportos Aquáticos.

A área de infraestrutura também terá importantes avanços com a inauguração da Transcarioca, corredor expresso de 39 quilômetros que ligará a Barra da Tijuca ao Aeroporto Internacional Antonio Carlos Jobim, e o início da construção do o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), novo meio de transporte que vai integrar a Rodoviária Novo Rio, o Aeroporto Santos Dumont, a estação de passageiros do Porto do Rio, os dois terminais do teleférico do Morro da Providência e a estação das Barcas, na Praça XV.
 

Enviar para um amigo

Filtrar em Notícias

Newsletter

Cadastre-se e receba por e-mail as últimas notícias do Rio 2016.

+
Notícias

RSS de notícias

Fique sabendo imediatamente quando uma nova informação é publicada.

+ASSINE JÁ